Gostou do artigo? Compartilhe!

Aproveite melhor as facilidades da tecnologia

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie este artigo

Com o avanço das tecnologias nos vemos cada vez mais integrados e ligados à rede, às pessoas e ao mundo. Também dispomos de tecnologias cada vez mais novas e que facilitam nosso dia-a-dia. As inovações são constantes, e ainda que pareça ser difícil acompanhar tudo que vem surgindo e mudando, é importante nos mantermos atualizados e principalmente entendermos o potencial de cada tecnologia.

Aproveite melhor as facilidades da tecnologia

Não é incomum pessoas que criam certa resiliência a novas tecnologias, acreditando que se o meio que utilizam para realização de certas atividades funciona, não há por que buscar uma mudança que possa vir a demandar tempo e dinheiro. Na própria medicina, com mais frequência do que se imagina, ainda vemos muitos médicos fazendo todas as anotações dos pacientes à mão e utilizando uma agenda física para as marcações de consultas.

Em casos como esse, por mais que seja possível agendar consultas e realizar atendimentos sem o uso de computadores, é inegável que a tecnologia traz muitos benefícios, desde maior segurança e organização dos dados, até maior eficiência nos atendimentos. O uso de sistemas informatizados em todos os tipos de negócios é algo tão comum, que o paciente que chega em um consultório e vê todos os processos sendo executados à mão pode se sentir receoso e talvez buscar um outro profissional na próxima consulta.

É importante que haja um equilíbrio. Resistir totalmente às tecnologias pode deixá-lo para trás, mas o uso "incorreto" das tecnologias também não trará os benefícios esperados. Dessa forma, para aproveitar melhor as facilidades da tecnologias, devemos atentar para duas questões:

  • "Sabemos utilizar corretamente as tecnologias que adotamos?"
  • "Sabemos separar o uso pessoal e profissional destas tecnologias?"

Uso correto das tecnologias

A primeira pergunta diz respeito a realmente entender as ferramentas e conhecer as possibilidades oferecidas. É comum na área médica vermos tecnologias sendo subutilizadas. Um médico, por exemplo, adota um software completo para seu consultório, mas o utiliza apenas para registrar os dados do paciente e nada mais. Muitas vezes ele nem sabe que o software oferece ferramentas para confirmação de consultas (o que pode reduzir as faltas frequentes), que ele pode acessar os dados online pelo celular quando necessário, etc.

Ao adotar uma tecnologia, procure conhecê-la a fundo, entender todo seu potencial. Isso não significa que você precisar começar a utilizar tudo aquilo que a ferramenta oferece, mas apenas conhecendo todas as possibilidades você poderá realmente avaliar o que pode ser ou não útil para sua rotina no consultório. Mais que isso, esteja aberto a testar as diversas opções que tiver antes de decidir que não deseja utilizar. Muitas pessoas possuem uma resistência natural a mudanças, mas dando uma chance a novas ideias você irá perceber quantos benefícios é possível obter.

Um dos argumentos mais utilizados para a resistência à tecnologia na área médica é de que ela afasta o paciente, substituindo o contato com o mesmo. Mas pelo contrário, na prática o que se observa é que as tecnologias permitem maior eficiência no atendimento, tornando a parte "burocrática" mais simples e assim proporcionando mais tempo durante a consulta para dar atenção ao paciente, tirar as dúvidas, ouvir as queixas e explicar o diagnóstico, resultando em uma melhor relação médico-paciente.

Uso pessoal e profissional das tecnologias

A segunda pergunta se refere ao uso consciente das tecnologias. Não somente na área médica, mas em todas as áreas, as pessoas confundem o que é pessoal com o que é de trabalho, assim perdendo muitas vezes o verdadeiro intuito do benefício. Isto ocorre, por exemplo, quando mistura-se as finanças de casa com as do consultório, gerando um ligeiro "caos" na contabilidade. O uso das tecnologias também deve observar esta separação do pessoal e do profissional.

Utilizar o Whatsapp para marcação de consultas no consultório, por exemplo, pode ser uma maneira de facilitar o processo para os pacientes, mas deve haver então um celular específico para este fim. Passar seu Whatsapp pessoal para os pacientes pode gerar situações desconfortáveis e que prejudicam a ética do atendimento médico. Também o computador do consultório deve ser focado para uso do software médico e realização de atendimentos. Se ele passa a ser utilizado para fins pessoais, com instalação de programas não pertinentes ao ambiente de trabalho e downloads de arquivos da internet, por exemplo, isto coloca a segurança do computador em risco, e consequentemente a segurança dos dados de seus pacientes.

A consciência de separar aquilo que é pessoal do que é profissional, bem como saber o momento para cada coisa é essencial para a organização e bom funcionamento do consultório. Isto é válido não só para você, mas também para toda a equipe com a qual trabalha, seja outros médicos, funcionários da recepção, etc.

Manutenção das tecnologias

Uma última questão que pode ser levantada é a de que não se dá a devida atenção à compra e manutenção de objetos tecnológicos. Assim como o carro, a geladeira e até mesmo a nossa casa, compreendemos que devemos comprar o melhor, além de dar sempre manutenção e ter zelo pelas coisas. Isto também vale para a tecnologia em seu consultório, devendo sempre buscar ter equipamentos mais atuais, com versões mais recentes de hardware e que possam assim oferecer os melhores resultados. Realizar manutenções preventivas em computadores, notebooks, smartphones e outros garante que eles se mantenham totalmente funcionais e evita que apareçam problemas de última hora que poderiam atrapalhar a rotina do consultório.

Além do hardware dos equipamentos, os softwares utilizados também merecem grande atenção. Além de buscar utilizar os melhores softwares, eles também precisam de manutenção, sendo atualizados constantemente. Isto vale tanto para o sistema operacional quanto para os programas instalados. Atualizações são essenciais para corrigir antigas falhas e garantir a segurança dos equipamentos e todos os dados que eles armazenam.

Desde as primeiras invenções tecnológicas, elas sempre tiveram o intuito de facilitar nossas vidas, e os benefícios que podemos obter com seu uso são inegáveis. Seus pacientes estão aderindo a cada vez mais tecnologias, e para atender às expectativas deles, é necessário que você também esteja em constante evolução. Explore as possibilidades, use-as com consciência e você verá resultados claros na eficiência e produtividade de seu consultório médico.

 

Gostou do artigo? Compartilhe!